Quem Somos

Diretoria

Estatuto

Notícias

Dia a dia Afago

Seus Direitos

Cultura

Recordando o BB

Galeria de Fotos

Aniversariantes

Projetos

Associe-se

Convênios

Jornal da AFAGO

Fale Conosco

Página Principal

 
 
Nº de Visitas:
 

 
 
BNDES vai elevar financiamento externo, diz Rabello 

 

O presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro, disse que a instituição deverá ampliar a sua participação em financiamentos externos. Segundo ele, com a nova orientação do governo para o banco (com a implantação da TLP) se reduziu o espaço para buscar financiamentos no governo.

 "Nós temos que encontrar mecanismos externos de financiamento, externos ao governo", afirmou Rabello de Castro durante evento do jornal "Financial Times" patrocinado por órgãos estatais brasileiros, em Nova York. Ele revelou que a razão da viagem de executivos do BNDES à China, recentemente, quando houve contato com o Novo Banco de Desenvolvimento do Brics, foi a de buscar parcerias nesse sentido.

 "Ao nos mudarmos para períodos mais normais, o banco deve se mudar para a maneira de se financiar do século 21, que é global", continuou Rabello de Castro. "Pretendemos ser maiores em termos de financiamentos externos e em termos de financiamentos de swaps." Entre as mudanças para "períodos mais normais" está a implementação da TLP. O presidente do BNDES disse que ela será implementada em cinco anos.

 Outra anormalidade foram as taxas básicas de juros brasileiras, bem maiores do que a média global. "Tivemos pelos menos três décadas de taxas de juros anormais. Por isso é que as taxas compensatórias existem no Brasil", afirmou Rabello de Castro, referindo-se à TJLP. "Havia uma anormalidade prévia. O setor produtivo no Brasil sempre recebeu compensações. Na medida em que removermos as causas dessa anormalidade, teremos o verdadeiro plano para ter uma longa e desejada normalidade."

 O presidente do BNDES afirmou que o governo não estará apto a financiar empreendimentos de longo prazo a não ser que promova ajustes fiscais. Defendeu a necessidade de ajustes para incrementar as contas do governo e fazer com que a União tenha mais capacidade de auxiliar projetos de longo prazo.

 Rabello de Castro participou de painel que contou com a presença do presidente do Banco do BrasilPaulo Rogério Caffarelli. No evento, o presidente do BB citou projetos no setor de agronegócios com envolvimento do banco. Ao falar sobre o tema, Rabello de Castro comentou que o BNDES tem enfatizado o setor de agronegócios durante muitos anos. Sem citar períodos de tempo, observou que, no portfólio do banco, a parcela que representa projetos de agricultura apoiados pelo BNDES subiu de 5% para mais de 20%.

 O executivo comentou que o agronegócio tem um sistema próprio de impostos, mas também uma estrutura de financiamento já desenvolvida e incrementada pelo presidente Michel Temer que ele espera que não seja interrompida com a troca de comando na Presidência da República, que ocorrerá com a eleição de 2018.

 

 

 

25/09/2017 - VALOR ECONÔMICO -SP 
 

José Maurício Coelho é o novo presidente da Previ
16/07/2018 - PREVI
Manifestação pública da ANABB sobre a Cassi
09/07/2018 - ANABB
Lei Eleitoral restringe atos do poder público a partir de hoje
09/07/2018 - VALOR - ON LINE - SP
PL que concede isenção de IR aos idosos é aprovado em Comissão na Câmara
25/06/2018 - ANABB
Fusão entre BRF e Minerva volta a ser cogitada
07/06/2018 - VALOR ECONÔMICO -SP
BB prevê arrecadar R$ 27 bilhões em leilão de 26 imóveis em SP
05/06/2018 - VALOR - ON LINE - SP
Resgate de cotas do fundo é liberado para todas as idades
05/06/2018 - METRO - MG
Restrição aos fundos
21/05/2018 - CORREIO BRAZILIENSE - DF
Gustavo Franco defende privatizar bancos públicos em programa do Novo
17/05/2018 - VALOR ECONÔMICO -SP
Fundos de pensão avaliam ação contra a Bradespar
09/05/2018 - VALOR ECONÔMICO -SP
Gueitiro Genso permanece na Previ até 2022
03/05/2018 - VALOR ECONÔMICO -SP
Cielo tem lucro líquido de R$ 1,007 bilhão no 1º trimestre (Economia & Mercados)
03/05/2018 - AGÊNCIA ESTADO
Presidente da BRF renuncia após 4 meses
25/04/2018 - O ESTADO DE S. PAULO - SP
Trapaças com aposentadorias
25/04/2018 - ANABB
UM NOVO IMPASSE NA BRF
18/04/2018 - ISTO É DINHEIRO
Quatro maiores bancos concentram 78,5% do crédito no país
18/04/2018 - JB - ON LINE - RJ
Fundos de pensão reduzem déficit em R$ 34,5 bi em 2017
18/04/2018 - VALOR ECONÔMICO -SP
Auditoria contra novas fraudes em fundos de pensão (Editorial)
11/04/2018 - O ESTADO DE S. PAULO - SP
O tesouro escondido dos bancos
11/04/2018 - ISTO É DINHEIRO
O alívio não chegou
04/04/2018 - VEJA
 
<<   <
>   >>    1611/1611 Registro