Quem Somos

Diretoria

Estatuto

Notícias

Dia a dia Afago

Seus Direitos

Cultura

Recordando o BB

Galeria de Fotos

Aniversariantes

Projetos

Associe-se

Convênios

Jornal da AFAGO

Fale Conosco

Página Principal

 
 
Nº de Visitas:
 

 
 
Tratamento especial para garantir a fidelidade 

 Conselheiros, assessores, curadores, psicólogos. Dependendo do caso, e do objetivo, esses são alguns dos papéis que podem assumir os profissionais que atendem a clientes exclusivos, também conhecidos como bankers. Para estreitar o relacionamento com seu público e garantir sua fidelidade, os bancos aprimoram suas estruturas e serviços no atendimento. Isso pode incluir orientação para a compra ou a catalogação de obras de arte até a promoção de intercâmbios escolares para os filhos.

 

O Santander acredita que sua experiência global, com presença local, é uma forte aliada para atender os quatro pilares que orientam o atendimento a esse público: o próprio investimento, a atenção ao negócio do cliente, o legado e suas estruturas de transição empresarial e o envolvimento social. "Todas as nossas atividades nessa área estão integradas e permitem um entendimento maior das necessidades do cliente", comenta Roberto Funaro, um dos responsáveis pelo segmento ultra-high de gestão de fortunas do banco. O executivo foi um dos três que a instituição financeira tirou do BTG Pactual para reforçar essa área e aumentar sua participação nesse mercado.

 

Essa experiência global, para Funaro, se reflete em várias investidas para ajudar o cliente, desde a compra de leasing imobiliário ou de aviões no exterior. "Podemos assessorar um cliente que está em Portugal e precisa de consultorias para algum tipo de investimento, por exemplo", observou.

 

O legado é uma preocupação do banco, que procura auxiliar na preparação das futuras gerações e, de quebra, conquistar dos novos herdeiros também a contrapartida da fidelidade. "Podemos ajudar a achar alguns cursos que façam sentido, em qualquer parte do mundo e por meio das universidades que temos parcerias, para que o herdeiro possa se aperfeiçoar em sua área de atuação como deseja o patriarca", ressaltou.

 

De acordo com o executivo, outra forma de atuar é criar experiências fora do trabalho. Isso inclui, por exemplo, levar esses executivos para assistir a uma partida da Libertadores da América, da Liga Espanhola ou visitar a equipe da Ferrari na Fórmula 1 em qualquer circuito, nacional ou internacional. O Santander está entre os patrocinadores dessas atividades.

 

"Nosso cliente pode pagar para assistir a esses eventos. Mas procuramos atraí-lo para uma experiência diferente, unindo outras áreas culturais e gastronômicas. Isso faz com que conheçam melhor a pessoa com quem trabalham. Ou ajude a estreitar relacionamentos familiares", disse Funaro. O banco administra fortunas acima de R$ 50 milhões.

 

Obras de arte, tapeçarias e mobiliário de alto valor também são itens que entram no rol de atividades dos bankers do Santander. A instituição trabalha com escritórios especializados que ajudam seus clientes tanto na compra quanto para catalogá-los.

 

Estreitar o relacionamento com clientes de maior poder aquisitivo e de investimentos também está no foco do Banco do Brasil. "Faz parte da nossa estratégia a oferta de eventos restritos a esse público, como palestras realizadas com economistas de renome e shows musicais com parcerias inéditas entre artistas da MPB, proporcionando experiência única e exclusiva para o cliente private", comentou Fábio Euzébo, gerente geral da unidade private bank do BB.

 

Em sua avaliação, a capilaridade do banco se torna um diferencial, pois permite que a instituição gerencie melhor esse tipo de atividade em todo o país, incluindo clientes regionais que administram grandes fortunas. "Queremos aproveitar o arcabouço de atuação do BB para a oferta que seja relevante ao nosso cliente private. E os eventos em geral estão relacionados a ações corporativas, de patrocínios e eventos. "

 

27/03/2017 - VALOR ECONÔMICO -SP 
 

Restrição aos fundos
21/05/2018 - CORREIO BRAZILIENSE - DF
Gustavo Franco defende privatizar bancos públicos em programa do Novo
17/05/2018 - VALOR ECONÔMICO -SP
Fundos de pensão avaliam ação contra a Bradespar
09/05/2018 - VALOR ECONÔMICO -SP
Gueitiro Genso permanece na Previ até 2022
03/05/2018 - VALOR ECONÔMICO -SP
Cielo tem lucro líquido de R$ 1,007 bilhão no 1º trimestre (Economia & Mercados)
03/05/2018 - AGÊNCIA ESTADO
Presidente da BRF renuncia após 4 meses
25/04/2018 - O ESTADO DE S. PAULO - SP
Trapaças com aposentadorias
25/04/2018 - ANABB
UM NOVO IMPASSE NA BRF
18/04/2018 - ISTO É DINHEIRO
Quatro maiores bancos concentram 78,5% do crédito no país
18/04/2018 - JB - ON LINE - RJ
Fundos de pensão reduzem déficit em R$ 34,5 bi em 2017
18/04/2018 - VALOR ECONÔMICO -SP
Auditoria contra novas fraudes em fundos de pensão (Editorial)
11/04/2018 - O ESTADO DE S. PAULO - SP
O tesouro escondido dos bancos
11/04/2018 - ISTO É DINHEIRO
O alívio não chegou
04/04/2018 - VEJA
Justiça determina que Caixa e BB paguem abonos do PIS não sacados nos últimos 5 anos
04/04/2018 - INFO MONEY
ACORDO PREVI CESTA ALIMENTAÇÃO
22/03/2018 - ANABB
Solução a portas fechadas
13/03/2018 - ANABB
STJ adia julgamento da ação de correção do FGTS
12/03/2018 - ANABB
Banco do Brasil lança edital de concurso sem plano de saúde
12/03/2018 - ANABB
Clientes do Banco do Brasil poderão fazer transações pelo Facebook
23/02/2018 - ANABB
Lewandowski valida acordo sobre planos econômicos dos anos 80 e 90
16/02/2018 - ANABB
 
<<   <
>   >>    1604/1604 Registro